Documentário inédito sobre Charles Chaplin será exibido na Itália




»PORDENONE (ITÁLIA), 25 SET (ANSA)

Um documentário inédito sobre Charles Chaplin, considerado perdido, foi recuperado e será exibido em estréia mundial no próximo Festival do Cinema Mudo de Pordenone, nordeste da Itália, que ocorrerá entre 6 e 13 de outubro próximo. O filme de 15 minutos foi rodado em 1933 por um jovem estudante britânico da Universidade de Yale, Alistair Cooke, no barco de Chaplin, onde este imita para a câmera personagens como Greta Garbo, Príncipe de Gales e Napoleão. Cooke, que nos anos posteriores seria um dos jornalistas e apresentadores televisivos mais populares da BBC, ganhou uma bolsa da Universidade de Yale e do jornal "The Observer" de Londres para realizar uma série de entrevistas com os grandes nomes de Hollywood. Entre os entrevistados estava Chaplin, que o convidou para passar um final de semana em seu iate, em companhia da sua companheira na época, a atriz Paulette Goddard. O documentário, intitulado "All at Sea", era considerado perdido desde que Cooke tinha utilizado parte do material para um dos seus programas mais famosos, "America". Mas após sua morte a filha Susan encontrou uma cópia em 16 mm completa e em perfeito estado. Será justamente esta película que será exibida pela primeira vez em público durante as Jornadas de Cinema Mudo, presididas pelo máximo especialista da vida e da obra de Chaplin, o crítico inglês David Robinson. (ANSA)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Era Charles Chaplin ateu?

O caso do roubo do túmulo de Chaplin (1978)

A questão de gênero no filme Tempos Modernos (Chaplin, 1936)